15/05/2011

Quando o tempo passa...


É tão estranho quando olhamos para trás e percebemos quantas coisas ficaram pelo caminho.
Ficaram, não porque as abandonamos mas porque por alguma circunstância elas se distanciaram!

Olhando para trás eu vi inúmeras pessoas que participavam da minha vida cotidianamente e que hoje eu mal falo, é estranho perceber isso, porém, muito necessário para o amadurecimento das minhas relações, para a valorização do hoje, dos momentos bons que são vividos com aqueles que ficaram por todo o tempo e com aqueles que acabaram de chegar e para a preparação na batalha cotidiana que é a manutenção da intimidade.

Hoje eu vi uma foto do casamento de um grande amigo meu há uns 13 anos atrás, ele estava casando e morando em São Paulo... vi pelo orkut e pelo facebook e isso bateu em mim e me fez vir aqui dizer isso...

Vamos tentar manter aqueles que amamos por perto, porque a vida continua correndo, o trabalho nos exigindo, as contas para serem pagas...manter perto não é estar sempre presente, mas é manter perto do coração, ligar de vez em quando, dizer o quanto o outro faz falta, manter as novidades em dia, falar de si... ligar!! É incrível que com tantos meios de comunicação, ainda consigamos nos perder das pessoas!!

Minha meta é ser mais atenta e aproveitar cada minuto ao lado dos meus amigos.Quem sabe como será a minha vida amanhã? Será que terei tempo? Será que estarei morando no mesmo lugar? Será? O desafio é grande, com a correria do dia a dia, mas quem disse que viver é simples? Viver é bom, amar é bom, mas requer dedicação!

Amigo, seja feliz! Amei ver as fotos desse momento tão especial da sua vida!

9 comentários:

  1. A vida como anda não temos tempo para nada, mas sua dica é super válida, deu saudades dos amigos também! Sorte!

    ResponderExcluir
  2. Eu adotei essa filosofia para a minha vida... E tem dado muito certo.
    Muito orbigada pela visita.
    Abraço,
    Cinthya
    http://odivaadellas@blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Acontece da gente se perder de alguns amigos sim Lílian, mas já percebeu que quando a amizade é verdadeira a gente se encontra e é como se não tivesse passado tempo algum? O bem querer continua intacto.

    beeeeijo grande moça

    ResponderExcluir
  4. Lília, com certeza!
    Sabe? Fiquei refletindo nisso e é sempre assim.
    Antes eu morava no RJ. Desde janeiro estou em Brasília e a maioria dos meus migos ficaram por lá.
    Mas não deixamos de nos falar, temos pertinho todos os argumentos para isso graças a Deus.
    Mas ás vezes bate uma saudade de olhar nos olhos, abraçar e as lágrimas rolam pela distância.

    Dá valor aqueles que de alguma forma fizeram e fazem comigo a estrada da vida.
    Por isso te deixo um bejinho.
    De alguma forma caminhamos nela juntas.

    Fernanda

    ResponderExcluir
  5. Olá Lilia
    Pura verdade. Vamos deixando que as pessoas amadas se afastem, e quando percebemos já não temos mais tempo de recuperá-las. Lamentável.
    Boa semana
    Bjux

    ResponderExcluir
  6. Amiga, quase chorei quando li esse pedaço. “É tão estranho quando olhamos para trás e percebemos quantas coisas ficaram pelo caminho. Ficaram, não porque as abandonamos mas porque por alguma circunstância elas se distanciaram!”
    Parece que você captou exatamente o que estava pensando neste momento....

    Bem... momento futilidade: passa lá no nosso blog Mon amie m’a dit.... Se gostarem, sigam a gente também
    Hoje: Top 8 – maquiagem para os olhos...
    Bjs,
    Dani Alencar

    http://monamiemadit.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. O que ficou é passado, vive o momento para poder ter futuro, beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  8. Adorei o post, realmente faz parte da vida.

    O que nos rests é viver rsrs.

    bjus

    ResponderExcluir
  9. O Tempo. Grande mistério.
    Passamos por ele ou ele passa por nós, de qualquer forma sempre perdemos um pouco de cada coisa.
    Amiga, adorei o texto, refletí profundo e adorei sua visita.
    vou tentar 'estar mais perto' 'DAQUI' e de tu.


    beijos beijos bom fds

    ResponderExcluir

 
© 2011 | Template por Silvia