19/12/2011

O bom combate


Minha terapeuta me disse hoje que eu estou muito nova para estar cansada, que a vida é um combate e que ainda tenho muitas batalhas pela frente.


O fato é que ano vai terminando e vai trazendo consigo todos os projetos não terminados, todas as metas não atingidas, toda fadiga do corre corre do dia a dia e as palavras, ah as palavras que cansamos de repetir, o pedidos repetitivos, os sonhos que parecem que nunca se concretizam...


Cara, tanta coisa eu conquistei, foi um ano bom, não posso ser injusta e negar, mas o cansaço daquilo que se repete e não se finda, daquilo que fica no ar, que ficar gastando latim, que fica... fica... fica e não se resolve!


Sei que esse blog anda meio Down, mas essa é a minha fase... é a fase da dureza, da observação, da crítica de mim mesma, do esclarecimento daquilo que ainda está sendo desvendado. É o meu momento!


Um dia eu pensei que a terapia ia me ajudar a ser mais normal, mas ela me empurra ainda mais para a loucura, porque não resolve, me questiona ainda mais, e como não se cansar?? Como não se fatigar?


Como falar, falar, falar e falar e não ver a correção daquilo que precisava em algum momento ir para o lugar?


Eu queria tantas coisas diferentes, mas não se pode ter tudo, a vida nunca foi fácil, mas é boa pra cacete...


O jeito é continuar na luta e ir conquistando tudo, transpondo as barreiras, gastando o latim e vendo que isso ainda é fichinha perto do que ainda está por vir!


E que venha 2013!

5 comentários:

  1. Cobre menos da vida Lennon disse a vida o que nos acontece enquanto fazemos outro planos! Tudo de bom em tudo e sempre!

    ResponderExcluir
  2. Bom dia querida amiga Lilia.

    Estivemos juntos por mais um ano, para minha alegria, no blog, no facebook, no orkut, no e-mail, não importa, eu agradeço.

    Há de ser o Natal um grande momento de paz. Há de ser o Ano Novo um tempo de amor.

    Que a paz, o amor e a harmonia permaneçam em seus corações e seus lares.

    Quando em minhas preces, agradeço por vocês existirem na minha vida, enxergo minha pessoa, tão frágil, tão “comum”, tão indignada com as coisas do mundo e me pergunto,como cheguei a vocês?

    Sem planejar, até mesmo sem perceber, aumentou minha família.

    Escuto um eco enorme à minha pequena voz... vocês apareceram na minha telinha, tão natural, tão espontâneo!

    Chego a pensar que sempre foi assim. É assim!!!

    Percebo ainda, que falamos em

    Anas, Josés, Cecílias, Beths, Carminhas, Marias essa e aquela, Edisons, Eloys, Fátimas, Veras e tantos outros, como pessoas de minha maior convivência, na mesa do jantar, ou mesmo almoço.

    Quero desejar agora;

    Da minha família para a sua família, um FELIZ NATAL.

    FELIZ ANO NOVO.

    Que a paz do Natal se multiplique no ano que se inicia.

    Obrigada por fazerem parte da minha vida.

    DEUS os abençoe.

    FIQUEM COM DEUS.

    ResponderExcluir
  3. Sabe o que me veio em mente agora? aquela risada debochada da Martin'alia cantando "sorria mais e leve a vida simplesmente...".
    Amiga, é batata! kkk
    Te amo e sinto uma puta falta de chegar em casa (leia-se Albergue) e sentar com você bebendo uma birita, jogar conversa fora e rezar para o vizinho de baixo não reclamar da altura do nosso som (principalmente quando o que rolava era Raul!) :D

    ResponderExcluir
  4. Olá Lilia
    Passei para lhe desejar um Feliz Natal e um belo 2012.
    Bjux

    ResponderExcluir
  5. Como sempre ... voce mandando bem. Sempre que nos cobramos, o que acho muito importante, nos vêm à cabeça aquilo que deixamos de fazer. Mas voce também valorizou que o ano foi bom, o que também é muito importante.

    Continuo naquele dilema, mas sem sofrimento, que é: abandono tudo, vou cuidar da natureza em algum local qualquer e, literalmente, fico alienado dessas notícias que nada nos agregam ou me mantenho informado e me entristeço com tamanhas barbaridades?

    Não acho fácil como é para algumas pessoas relaxar. Tenho muitas responsabilidades, daquelas que, se eu não fizer, ninguém fará por mim.

    Mas gostei da sugestão da menina acima: " ... bebendo birita (no meu caso, um refri), jogar conversa fora e ... (escutar) ... Raul!)

    Bjs e feliz 2012 e que essas realzizações incubadas se concretizem

    ResponderExcluir

 
© 2011 | Template por Silvia