06/01/2012

A grande Inversão

A grande inversão acontece quando nos sentimos lesados por acreditar que as pessoas sabem o significado da palavra respeito.

O Grande problema é quando você se sente ingênuo, por ter agido corretamente em um mundo onde só espertos sobrevivem, onde cada um pensa primeiro em tirar vantagem para si, sem ao menos se perguntar se em algum momento está prejudicando ou invadindo a vida de outra pessoa.

A grande inversão acontece quando você encontra algo em um ônibus, entrega ao trocador para que ele envie para o achados e perdidos da empresa de ônibus e descobre que aquilo que você achou, nunca chegou a onde deveria ter ido. 
Então você coloca a mão na cabeça e se pergunta como pode ter sido tão idiota à ponto de ter confiado em um cara só porque ele usava um uniforme. A Inversão acontece quando você se considera burro, por ter sido tão ingênuo, onde já se viu acreditar em gente???
Então o que fazer? Não devolver? Ficar com algo que não é seu?? Ah, Achado não é roubado, quem perdeu foi relaxado? Mas e quando é possível identificar o dono???  É odioso, se sentir um idiota porque fez o certo!!!

A Grande inversão acontece quando você não coloca senha no seu micro e deixa alguém usar mesmo assim, e quando vê a pessoa copiou emails seus e você nem sabe com que objetivo. Você nem sabe porquê e para quê, você só sabe que a pessoa se aproveitou da sua ingenuidade em acreditar que existe respeito à privacidade alheia!! 
Você acreditou mesmo que por ela ser sua amiga, você não precisaria retirar todas as senhas?? Ah que ingenuidade!!!! Estava ali esfregando na cara dela  as suas informações, coitada, ela não poderia deixar de olhar!!!. Aliás, ela não olhou... no horário exato em que ela estava usando o computador, houve um pane no gmail que enviou alguns emails seus justamente para onde??? Para a caixa de correios dela!!!
Tem aqueles que ainda dizem:você tem algo a esconder? Como se invadir a privacidade alheia, copiar dados tivesse alguma justificativa, como se privacidade só existisse entre os mafiosos, entre os errados, entre os pecadores. Tudo é justificado, afinal você é muito errado por ter deixado seus emails tão à mostra. Você deveria ter bloqueado tudo e desconfiado até da sua sombra!!! IDIOTA!!
O errado é quem deixa o email aberto e não aquele que fuça, que olha e que copia... que da próxima vez, seja mais esperto e bloqueie tudo!!!

A Grande inversão acontece quando se abre a correspondência do vizinho que foi colocada errada na sua caixa de correios. Ah se o correios entregou aqui, então eu posso abrir!!! Vizinhos por favor monitorem os serviços dos correios, porque o erro é só deles... ele entregou sua carta aqui, eu fui e abri, da próxima vez, avisa a ele para entregar direito!!! Eu te devolvo a carta aberta, sem sentir o mínimo de culpa, afinal, eu só li, porque chegou na minha casa e eu já estou sendo camarada em levar na casa do verdadeiro dono da carta!! Como eu seu uma pessoa boa!! Eu leio, mas devolvo!!!

Sinceramente...

Eu me sinto boba muitas vezes, me sinto burra, porque se aproveitam da minha crença de que o ser humano pode ser respeitoso com o espaço do outro MESMO QUANDO NÃO TEM NINGUÉM OLHANDO!!!! 


Meu pai sempre me disse: Se não é seu, devolva!! Se não tem permissão, não entre!! Pergunte se pode usar!! Peça autorização para verificar aquilo que não é seu e que não lhe diz respeito!!! Achou dinheiro  dentro de casa no chão, tem dono!!! Achou alguma coisa que tem nome, procure o dono!!! Se a porta do quarto do seu melhor amigo está fechada, bata antes de abrir!!! Não abra a correspondência alheia!!!


É... parece que nem todo mundo teve um pai como o meu!!!

6 comentários:

  1. Essa inversão de valores tem feito naufragar nossa sociedade isso é a raiz de toda a corrupção...

    ResponderExcluir
  2. Eu te entendo muito! Seu respeito começa quando do outro acaba, e as pessoas não respeitam a opinião alheia.. Ai tudo desanda =(

    Feliz ano novo ^^

    ResponderExcluir
  3. Menina, que desabafo!!

    Olha, por vezes eu me sinto assim, sabia?

    As pessoas perderam a noção e relativizam tudo.

    Os valores estão distorcidos. Aliás, estão corrompidos.

    Enfim... tem dias que a gente parece estar mais cansado pra lidar com certas safadezas.

    Só te peço uma coisa: não perca a campacidade de se indignar.

    Verônica

    ResponderExcluir
  4. Oi Lilia
    Não há mesmo nada mais irritante que essa inversão de valores ,esse desrespeito que vemos ao redor .
    È ridiculo a falta de sensatez de quem se apodera de coisas alheias.
    Um texto bom de ler Lilía.
    deixando um abraço grande e desejando que possamos um dia ter uma cidade mais séria.
    beijinhos

    ResponderExcluir
  5. Adorei o blog, os textos, a estética, tudo...parabéns! Sorte minha ter encontrado um espaço tão aconchegante...já estou seguindo e pretendo voltar sempre, se puder me dar uma força também e seguir eu ficaria grato...
    www.paullolenore.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Interessantes teus posts, escrevo para divulgar o : www.o-cercadinho.blogspot.com Caso queira acompanhar e dar umas risadas,
    será um prazer ter nos visitando lá. O que é o Cercadinho? Segue apresentação para te situares. Em cada relacionamento afetivo, os envolvidos ficam restritos a um espaço, O Cercadinho, onde acontecem as interações. Em algumas fases, está cheio de "queridas", mas em outros, quase vazio. O Cercadinho é o resultado das conquistas amorosas, onde cada um preenche à sua maneira e gosto. Pode ter o critério de cotas e uma de cada: loira, morena, mulata, ruiva e/ou japa. Com faixas etárias e tipos variados. Até monogâmico com apenas uma mulher selecionada. Somos dois homens escrevendo relatos e histórias, sem pretensão literária sobre O Cercadinho. Seco, objetivo e um pouco bagual com sentimentos, assim é Iberê e Marcão, cafajeste faz o estilo 100% sincero e sem rodeios, e trash total. Entre no nosso Cercadinho e boa leitura.
    Iberê

    ResponderExcluir

 
© 2011 | Template por Silvia